Colégio do Centeio

Deutschland online bookmaker http://artbetting.de/bet365/ 100% Bonus.

Download Template Joomla 3.0 free theme.

As nossas campanhas de solidariedade

Alguns alunos da nossa turma participam nas campanhas de recolha de alimentos do Banco Alimentar Contra a Fome. Este ano, o nosso colega Duarte explicou-nos todo o processo, desde a recolha à separação dos alimentos.

 

 

Ouvimos com atenção as explicações do Duarte e partilhámos as nossas experiências relativas à campanha realizada pelo Banco Alimentar Contra a Fome em novembro.

 

 

O nosso objetivo era o de informar e sensibilizar a comunidade escolar para este tipo de campanha de solidariedade e, por isso, além da exposição dos cartazes sobre o Banco Alimentar Contra a Fome, resolvemos divulgar outras formas de ser solidário.

 

O escaravelho vermelho

Durante a visita de estudo aos Viveiros da Câmara Municipal de Setúbal, realizada no ano letivo 2010/2011, já tínhamos ouvido falar na praga que estava a dizimar palmeiras a nível mundial – o escaravelho vermelho.

 

 

Em setembro, o avô da Carolina apanhou um destes insetos e ela trouxe-o para a escola bem fechado num frasquinho. Após a apresentação da Carolina, recordámos o que tínhamos aprendido sobre esta praga.

 

 

Resolvemos mostrar este inseto à turma do 1ºano e alertá-los para a urgência do controlo desta praga.

 

 

Como somos muito curiosos, colocámos muitas perguntas sobre este inseto. A professora propôs que cada um pesquisasse informação e a organizasse no seu caderno de laboratório. Ao fim de vários dias de pesquisa, partilhámos e organizámos a informação recolhida num Power Point.

 

 

Com o projetor de vídeo e uma imagem de um escaravelho adulto, aprendemos a copiar imagens para papel. Copiámos apenas o contorno do corpo do escaravelho, os detalhes foram observados e desenhados com a ajuda de uma lupa e de um microscópio eletrónico.

 

 

Entretanto, a palmeira da professora foi atacada por um batalhão de escaravelhos vermelhos. Antes da exterminação, a professora recolheu vários casulos e espécimes adultos (machos e fêmeas) para observarmos “ao vivo e a cores” as diferentes fases do ciclo de vida deste inseto.

 

 

Acrescentámos mais informação ao nosso caderno de laboratório e ficámos deslumbrados com as pupas e larvas em metamorfose que se escondiam dentro dos casulos. Continuamos curiosos acerca da morfologia interna deste inseto, com o que investigámos sabemos que é diferente do corpo humano… mas como será?

 

 

Decidimos que este trabalho devia ser exposto e compilado num livro de turma. Por isso, todos ajudámos a organizar as páginas do livro com tudo o que aprendemos. Aprendemos a copiar imagens utilizando a luz natural que atravessa o vidro, aprendemos a legendar imagens dos escaravelhos, organizámos num diagrama o ciclo de vida que observámos, e colocámos os espécimes capturados em exposição.

 

 

Apesar de termos exposto as nossas descobertas, continuamos a investigar… talvez em breve consigamos observar o interior de um escaravelho…até breve!

Autenticação

Social

FacebookMySpaceTwitterDiggDeliciousStumbleuponGoogle BookmarksRedditNewsvineTechnoratiLinkedinMixxRSS FeedPinterest
Pin It